Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

TOP MÁQUINA

Eu faço Trail e sou uma Máquina. E isso é Top!

TOP MÁQUINA

Eu faço Trail e sou uma Máquina. E isso é Top!

TrailCoaching

por Pedro Caprichoso, em 05.05.16

HireALifeCoachToday.jpg

 

É preciso uma cara-de-pau do caralho para ser-se Lifecoaching. Auto-intitular-se “Lifecoach” é o mesmo que afirmar, de nariz empinado, que se é melhor do que os outros. Não há outra forma de encarar esta pseudo-profissão. O adjectivo “arrogante” é simpático demais para qualificar esta gente. Burlão é mais adequado. Olhar uma pessoa nos olhos e afirmar que somos melhores do que ela (nesta coisa a que chamamos vida) tem um nome: fraude. Não há outra palavra.

 

Já repararam que os Lifecoaches são todos jovens? Seria expectável que fossem mais velhos: gente vivida, experimentada, calejada—cuja sabedoria ser-nos-ia transmitida em função da sua experiência de vida. Mas não: são todos jovens, na casa dos trintas e quarentas, de corpo ripado e sorriso branqueado. Sabem quem é o meu Lifecoach? O meu avô.

 

O que me alegra é saber que estes parasitas, mais tarde ou mais cedo, vão meter o pé na poça. É uma questão de tempo. E, quando esse dia chegar, serão expostos por aquilo que são na realidade: fraudes; vendedores de banha da cobra; burlões dos tempos modernos; campeões da treta; especialistas da verborreia; técnicos superiores da aldrabice; bocas de esterco; trafulhas com o dom da palavra; vigaristas munidos com um cardápio de frases feitas e lugares comuns vomitados sem um pingo de vergonha. É só uma questão de tempo.

 

Vivemos num mundo de certezas, em que os mais certos—ou, pelo menos, os mais assertivos na sua certeza—são retractados como os mais fortes. Certeza é sinónimo de força, de carácter, de liderança—e hoje em dia temos todos de ser lideres, não é? Hoje não há espaço para dúvidas, hesitações ou perguntas. Tudo são frases feitas, vomitadas por um sorriso branqueado entre o jornal da noite e os bastidores da selecção. A felicidade é-nos vendida em pequenas concentrações de certeza—e à certeza vem sempre associada a simplicidade, a rapidez, a solução milagrosa, tanto faz se para a prisão de ventre se para os problemas amorosos. Há solução para todos os males, conquanto esta não nos tome mais do que 5 minutos por dia e traga como oferta um conjunto de facas de carne se formos um dos primeiros a ligar. Se aprendi alguma coisa em 35 anos de vida, é que a vida é muito complexa. Duvidem sempre das pessoas que parecem muito certas do que dizem e apresentam soluções simplistas para problemas complexos. Eu incluído. A verdade é que ninguém sabe o que anda a fazer: andamos todos às apalpadelas, a tentar perceber como é que “isto” se faz. E se isto é verdade na nossa vida social e profissional, é-o ainda mais na nossa vida pessoal.

 

17906100_qbKC3.jpeg

 

Dito isto, se o Gustavo Santos pode, eu também posso. O Gustavo Santos não é melhor do que eu. Eu também sou bonito, musculado e tenho uma cara-de-pau do caralho. Passe a modéstia, considero-me um vigarista de alto gabarito. O meu conceito é, porém, menos ambicioso. Não pretendo ser Lifecoach; contentar-me-ei em ser Trailcoach. Trailcoach é um conceito que vai para além do treino. O treino não me interessa. Para isso existem Treinadores com formação na área da Educação Física. No fundo, trata-se de aplicar a filosofia do Lifecoaching ao Trail Running. O meu pacote de TrailCoach inclui 10 sessões de empowerment com a aquisição de capacidades mentais ao nível de um super-herói da Marvel; um workshop de fotografia no âmbito das selfies; um catálogo de dicas para sacar patrocínios; um calendário de provas de aldeia para obter resultados à campeão; um tutorial de caganço nas redes sociais; um manual de engate de atletas de Trail; e um curso à distância de escrita criativa aplicada às crónicas de corrida. Tudo isto pela módica quantia de €499/mês—ou em suaves prestações de €200/semana. Não se atropelem, que eu chego para todos!

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D